Livros e um pouco mais

Livros e um pouco mais

sábado, 27 de abril de 2013

Amor e ódio com "A CULPA É DAS ESTRELAS"

          SENTIMENTO DE AMOR E ÓDIO POR " A CULPA É DAS ESTRELAS"  





Sinopse - A Culpa é das Estrelas - John Green

A culpa é das estrelas narra o romance de dois adolescentes que se conhecem (e se apaixonam) em um Grupo de Apoio para Crianças com Câncer: Hazel, uma jovem de dezesseis anos que sobrevive graças a uma droga revolucionária que detém a metástase em seus pulmões, e Augustus Waters, de dezessete, ex-jogador de basquete que perdeu a perna para o osteosarcoma. Como Hazel, Gus é inteligente, tem ótimo senso de humor e gosta de brincar com os clichês do mundo do câncer - a principal arma dos dois para enfrentar a doença que lentamente drena a vida das pessoas.

Inspirador, corajoso, irreverente e brutal, A culpa é das estrelas é a obra mais ambiciosa e emocionante de John Green, sobre a alegria e a tragédia que é viver e amar.





Meus sentimentos pelo livro

Comecei a ler " A CULPA É DAS ESTRELAS " por indicação de um amigo, ele falava tão bem do livro que eu confesso que estava morrendo de vontade de ler o livro, passou-se semanas e fui me arriscar em ler um livro por indicação.
Quando recebi o livro, eu logo comecei a ler, no começo a narrativa de John Green me encantou, era genial uma adolescente com Câncer viver uma vida como a personagem principal vive, e também me encantei por Augustus Waters, um garoto que também passa por seus desafios mas não deixa de ser um completo bad boy.
Eu acho que o tema abordado no livro é maravilhoso, mas não consegui gostar da escrita do John, ele trabalha muito com filosofia no livro, e isso se tornou um pouco chato.
Se a história fluísse sem a parte filosófica, o livro seria cinco estrelas, infelizmente eu consegui dar 4 estrelas, pois o final do livro me encantou, foi um final maravilhoso, onde eu me vi chorando com a narrativa do livro.
Agora o filme vai ser lançado, eu espero que no filme o romance de Hazel e Augustus seja mais focado, e que a parte filosófica seja descartada, pois a adaptação tem tudo para ser perfeita.
O livro trouxe um sentimento de amor, por presenciar a luta contra o câncer, e o ódio pela parte filosófica deixando o romance de lado.
Mas vale a pena conferir essa deliciosa história de John Green.


    
4 estrelas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário